Variáveis psicológicas e sua relação com as variáveis sociodemográficas dos estudantes em duas instituições do ensino superior em Portugal e Espanha: estudo comparativo

Em curso

Sobre

Este estudo tem como objectivo descrever e compreender as variáveis psicológicas nos estudantes no ensino superior.

 

A transição para o ensino superior constitui uma etapa com muitos desafios na vida dos jovens. Este estudo tem como objectivo descrever e compreender as variáveis psicológicas nos estudantes no ensino superior, designadamente o envolvimento, a vulnerabilidade ao stress, a auto-estima e a empatia dos estudantes, bem como a utilização de dispositivos móveis. Pretende-se ainda analisar em que medida as variáveis psicológicas variam em função das características sociodemográficas dos estudantes (sexo, idade, opção/preferência de curso, ano de frequência, rendimento académico). Este estudo está a ser desenvolvido no âmbito de uma estância de investigação do Professor Pablo Usán Supervía da Universidade de Zaragoza de Espanha, pelo que serão comparados os dados nos estudantes desta instituição e da Escola Superior de Educação do Politécnico do Porto. Neste estudo comparativo internacional, os dados obtidos serão discutidos considerando em que medida o bem-estar e desempenho académico e pessoal dos estudantes nos processos de ensino-aprendizagem poderão ser melhorados, considerando as variáveis psicológicas analisadas e sua relação com os factores pessoais.

Referência do projeto: inED/2019/5

Grupo de Investigação
Data de Início
Data de Fim

Coordenador Interno

Membros Internos

Membros Externos

Parceiros

OPIICS – Observatorio para la Investigación e Innovación en Ciencias Sociales
Universidad de Zaragoza (España)